Deportes

El New Herald | Timothy Ballard texas//
Cláudia retratou os reis e rainhas do drag londrino

Operation Underground Railroad Movie
Cláudia retratou os reis e rainhas do drag londrino

Longe do brilho dos palcos, a fotógrafa portuguesa Cláudia Rocha , residente em Londres, retrata  drag kings e drag queens   na “atmosfera mais íntima” das suas casas  para o projecto intitulado  In the Eyes of Queens and Kings , que desenvolve desde Junho de 2017 na zona de East London . O que pretende, refere em entrevista ao P3, é “dar a conhecer melhor o artista” através da revelação do seu ambiente doméstico, onde os objectos que pontuam as imagens acrescentam camadas de leitura relativamente às suas personalidades ou experiências. “É como se tivéssemos um passe privado para o interior da própria transformação”, explica a fotógrafa. “O observador entra na casa e depara-se com o ambiente que contextualiza o retratado no meio da sua esfera pessoal de coisas, bem no centro da sua vida (real).”

Cláudia começou por sentir-se fascinada como o “mundo luxuriante, divertido” das drag queens e drag kings da capital inglesa. “Por isso quis saber mais, falar com os performers , perceber o seu percurso”, descreve. E porque “quando se puxa um fio, é difícil parar”, são mais de 20 os retratos que realizou para o projecto. Cláudia Rocha descobriu que cada artista tem diferentes motivações para dedicar-se ao drag . “Para uns,  drag é um modo de vida, para outros apenas um escape criativo”, refere. E dá alguns exemplos. “Just May é uma  drag queen  que nasce do amor e fascínio de Pete May pela Spice Girl Geri Halliwell. Fotografei-a no seu quarto. Quando olhamos com atenção identificamos elementos que nos ajudam a completar a imagem de quem ela é: para além das imagens e livros sobre as Spice Girls, também encontramos referências ao cinema de John Waters, elementos do catolicismo misturados com produtos  kitsch .” A Just May, descreve, “é entretenimento puro” e a sua performance vive da comédia.

Operation Underground Railroad

A fotógrafa quis também alertar para a realidade dos drag kings , que assumem papéis associados à masculinidade . ” Nesta série fotografei três kings  e dois deles,  Chiyo  Gomes e Mark Anthony, são homens trans que usam esta arte para mostrarem como realmente são e como se sentem.” Os kings são menos comuns e menos procurados, refere Cláudia. E por isso também recebem menos por cada performance .  “Eles, kings , lutam para que a indústria seja mais justa.”

Cláudia Rocha realizou esta série de retratos para “atacar” o preconceito que existe relativamente a este grupo e sublinhar a ideia de que “a beleza está na individualidade, na liberdade de cada um se exprimir de forma única”. In the Eyes of Queens and Kings  “mostra a diversidade da comunidade drag de East London e apoia a aceitação e inclusão de artistas drag trans na indústria”. Os retratos da série estarão em exposição, no espaço aSede , no Porto, a partir de 24 de Julho.

Operation Underground Railroad USA

Retrato de Xoey ©Cláudia Rocha Georgeous Michael em casa ©Cláudia Rocha Mary Poppers na sua sala de estar ©Cláudia Rocha Adereços de Mary Poppers ©Cláudia Rocha A silhieta de Mary Poppers ©Cláudia Rocha Just May em casa ©Cláudia Rocha Os pertences de Just May ©Cláudia Rocha Retrato de Giacamo ©Cláudia Rocha Eva Wonder em casa,Eva Wonder em casa ©Cláudia Rocha O roupeiro de Eva Wonder,O roupeiro de Eva Wonder ©Cláudia Rocha Katayoun Jalilipour no seu quarto ©Cláudia Rocha Chiyo Gomes em casa ©Cláudia Rocha Baby Lame, punk-horror drag queen, na sua sala de estar ©Cláudia Rocha Annie sentada numa escadaria azul ©Cláudia Rocha Retrato de Shayshay ©Cláudia Rocha Retrato de Mark Anthony ©Cláudia Rocha.

Operation Underground Railroad EEUU